categorias: Guia Masculino

GUIA MASCULINO | A evolução da moda masculina.

Quando falamos dos elegantes, descontraídos, chiques, casuais, ousados, coordenados, desarrumados etc. Percebemos que a moda masculina teve um salto gigantesco no mundo fashion, não é mesmo? Antigamente havia muito preconceito se o homem tivesse um certo interesse por moda, mesmo sabendo que ele precisava se vestir todo santo dia. Essa grande revolução aconteceu por volta do século 19, com a criação do terno e as roupas de trabalho. Naquela época, os tons mais usados eram os escuros e neutros como preto e cinza contrapondo o  branco.

O tempo passou e os “machistas” perceberam o quão importante precisava ter um certo “entendimento” de moda para se vestir bem e ser sinônimo de elegância. Exemplo disso é o terno. Esse boom de moda masculina se deu depois que os estilistas começaram a se dedicar mais a moda masculina, levando novas peças, novas coleções para a passarela. Os estilistas tornaram-se mais evidentes, criando costumes através das roupas e assim os homens foram se adequando-se às ocasiões e seguindo seu estilo.

É claro, que tudo varia do estilo de cada um. Uns adoram o básico (camiseta e calça jeans), outros adoram ser elegantes usando e abusando dos diferentes tipos de ternos. Hoje, a moda masculina está sendo tão trabalhada, que a indústria da moda já não vive mais sem ela. O consumo é gigantesco. Virou febre!

Percebeu a diferença? A moda masculina foi crescendo cada vez mais. Antigamente não eram usados volumes por homens e hoje já faz parte do closet masculino. Estampas coloridas não eram muito difícil de  usar, predominando combinações básicas como t-shirt branca e jeans + jeans.

O que você acha da evolução masculina? Se bem que hoje ainda é usado e inspirado muito na moda masculina de antigamente, né? Moda vai, moda volta.