categorias: Moda

Tudo o que você queria saber sobre o ballet (ou qualquer dança) e tinha vergonha de perguntar.

balletEu não sei se muita gente sabe, mas minha real profissão é essa, sou bailarina. E sempre ouvi perguntas muito engraçadas a respeito da minha profissão. E como hoje é dia do bailarino resolvi reunir aqui nesse post as perguntas mais frequentes que recebo sobre o assunto…

Mas, Carol,  você trabalha no quê?!

Essa pergunta é a melhor, eu trabalho com dança. Atualmente, costumo dizer que estou doutoranda. Mas, nem por isso deixei de dar aulas, palestras e cursos de dança por aí. Nesse meu último semestre, preferi não pegar aulas frequentes, porque escrever uma tese demanda muita dedicação. Mas, vamos lá uma mini lista de coisas que já fiz com danças, já dei muita aula em faculdade de teatro e educação física, já dei muitos cursos para professores, dancei profissionalmente(fiquei em cartaz com espetáculos), dei aula de ballet e dança contemporânea para adultos e crianças e mais um monte de coisas…

Existe faculdade de dança? Não sabia…

Sim gente, existe e muitas no Brasil estão cadastrados 45 cursos superiores de Dança, sendo 12 bacharelados, 32 licenciaturas e 1 tecnológico. Eu fiz minha graduação em dança, lá na UNICAMP e o mestrado também tudo na area de dança. O doutorado estou fazendo(acabando uffa) na UNESP-SP.

Gostaria de dançar e tenho X anos, você acha que estou muito velha?

Sempre digo que não tem idade para fazer ballet, é uma delicia(ou para dançar qualquer dança). Fazer aulas mais velha é ótimo porque você normalmente é mais consciente de seu corpo e pega as coisas com mais facilidade. Minha dica é não tenha medo, se arrisque e nada de vergonha porque ninguém na sua aula está ali para te julgar.

IMG_0903

Não gosto de ballet, existe outra dança, que não seja o ballet para adultos?

Se eu fosse catalogar os inúmeros tipos de dança que existe, esse post não teria fim. Mas, só para vocês terem uma ideia, tem dança contemporânea, stiletto, dança do ventre, dança circular, jazz, sapateado, as milhares de danças populares e tudo isso sempre tem alguém pronto para te ensinar os primeiros passos.

Mas, para que serve a dança?

Eu costumo dizer que não serve para nada, mas ao mesmo tempo serve para tudo. Não gosto muito do caráter utilitarista que às vezes as pessoas dão para dança, porque dança acima de tudo é arte. O que vem junto com ela é consequência(corpo legal, auto estima, superação, prazer, dor) e depende objetivo de cada um. O importante pra mim é encontrar dentro dessa gama imensa de danças, uma que te satisfaça e combine com você, cada corpo é um corpo, cada pessoa é uma pessoa e não dá para todo mundo seguir a mesma regra.

class2_65

Já fiz outros posts sobre esse assunto, aqui, aqui, aqui

E vocês já quiseram dançar??? Pode perguntar o que quiser..

obs: quem me inspirou a escrever esse post foi a Katia976 lá do snapchat, obrigada por me inspirar a compartilhar um pouco do que sei.

Comentar resposta para Janeisa Cancelar

Comentários via Facebook

17 comentários via blog

  1. Janeisa

    Carol que inveja branca de vc.! Minha maior frustração é não ter aprendido a dançar ballet. Tentei compensar esta lacuna e coloquei minha filha aos 3 anos, mas no jazz. Ela ficou por 10 anos e nunca se interessou em balela clássico. Sou toda dura, sem ritmo e acho que agora é tarde. Beijos
    http://www.brasildobem.net

    1. Carol respondeu Janeisa

      Nunca é tarde
      bjs

  2. Lala Ismerim

    Que post mais lindo! *-*
    Fiz dança moderna quando novinha e adorava! Até hoje morro de vontade de voltar a fazer algo. Na época sonhava em ser bailarina mas acho que não era muito boa. kkkkk…
    Aconselho a todo mundo a fazer algum tipo de dança. Dança é vida!
    Beijo

    1. Carol respondeu Lala Ismerim

      Volta Lalá. <3 Essa coisa de não ser boa é tudo bobagem, posso te garantir.
      bjs
      bjs

  3. Fê Goncalves

    Que lindo o seu post, adorei saber mais da sua profissão e paixão pela dança! Parabéns pelo dia do bailarino!!! Eu não tenho muito jeito para dança, tentei fazer algumas aulas, mas gente, como demoro para me soltar, sabe…hahaha…uma dança que curti muito foi forró, sei fazer alguns passinhos ainda, sabe…hahaha…mas acho lindo quem dança e minha mãe faz algumas aulas, ela ama, é a terapia dela! Um beijo

    1. Carol respondeu Fê Goncalves


      Obrigada
      Eu como profissional da dança posso dizer que não existe gente que n tem jeito p a dança.
      bjs

  4. priscilla barreto

    Primeiro parabéns pelo seu dia Carol!
    Não é fácil viver de dança no nosso pais, alias não só de dança mas de artes em geral.
    Adorei saber um pouco mais sobre sua profissão e dia a dia. I
    Fiz ballet quando pequena, mas confesso que gostava bem mais de jazz e patinação. A um ano entrei no ballet fit, que na realidade não é o balet propriamente dito mas eu gosto bastante e encaro como uma terapia. Fiz uma aula experimental de stilleto e amei! Quero continuar dançando sempre. adoro!

    Bjs
    Pri

    1. Carol respondeu priscilla barreto

      Nunca deixe de dançar, e se joga no stiletto
      bjs

  5. Beth

    Excelentes reflexões. Você é a mais linda e primeira bailarina do mundo, segunda é a Manu. Beijos te amo.

    1. Carol respondeu Beth

      Mãe
      Obrigada por sempre me apoiar e me permitir, sou eternamente grata a você e ao papai por tudo que sou e tudo aquilo que virei a ser.
      Te amo mais.
      bjs

  6. Wanessa Oliveira

    Quando criança fiz ballet e dança do ventre, gostei bastante. Depois de velha não fiz mais nada, mas acho bonito um estilo de dança o Zouk 🙂 queria aprender!
    bjoka http://diadebrilho.com

    1. Carol respondeu Wanessa Oliveira

      Se joga
      bjs

  7. Patricia Leardine

    Que legal 🙂 Eu mesma não sabia dessa parte. Já tentei fazer algumas aulas de ballet, mas acabei não levando adiante porque não consegui conciliar meus horários e, no fundo, não me dei o tempo. Tenho uma amiga que ama dançar e ela me lembra de como essas coisas são tão boas e fazem tão bem. A dança é algo que ainda falta na minha vida, sabia. Eu tenho um pouco de vergonha de dançar (olha que bobagem…) mas gosto muito de apreciar a dança. Ainda acredito que num breve futuro a dança vai fazer parte da minha vida. No momento só rola Just Dance, conta? rsrs Poxa, seria muito legal se você pudesse contar dos aprendizados que você teve no decorrer da dança e seus estudos. Outro pedido é: comece a gravar vídeos, Carol. Seus posts são muito divertidos, imagino que você deve ser bem descontraída. Abraço!

    1. Carol respondeu Patricia Leardine

      Patricia.
      Vou fazer outros posts falando da minha formação, podexá.
      Pra matar um pouco sua curiosidade, me acompanha no snapchat que lá eu gravo uns mini videos
      bjs

  8. Lyanna

    Aiii que lindo!!! Estou me iniciando no ballet funcional (os bailarinos profissionais curtem esse termo?) e para o próximo ano vou fazer ballet para coroas hahahhahha. Aqui em Natal/RN não tinham muitas opções não, turmas fechadas ou acesso e horário complicado (turmas do TAM), mas as academias particulares acordaram e já tem turmas regulares, eu que enrolei horrores, mas já tenho até collat e meeeeiaaa!!!
    Sua linda!!!! Adoro vc, seu blog, seu doutorando, seu bailarinismo, seus snaps e sou apenas puxa saco!!! hahhahaha
    Feliz Dia do Bailarino!!!!

    1. Carol respondeu Lyanna

      É os profissionais da área, não gostam muito que seja chamado de ballet, porque na verdade não é.
      Ai que orgulho que você já tem até collant e meia.
      Eu que virei sua puxa saca kkkk
      bjs

  9. Rebeca Stiago

    Oii Carol. Que post legaaaal. Eu fiz ballet quando pequena. E depois de “grande” tentei voltar. Mas sabia que nao sao todos os professores que tem uma dinamica legal para adultos?? Mas enfim.. eu acho DIVINO. E hoje sinto falta, principalmente pela minha postura. Parabens pelo post. Beijinhos

    http://www.verdadeescrita.com/o-dia-em-que-eu-cansei-de-viver-de-passado/