categorias: Comportamento Moda

Respeito é bom e a gente gosta: Pelo direito de andar com ou sem sutiã….sem ser importunada

Essa semana tô toda trabalhada na polêmica e nas pautas das mulheres, especificamente os tabus e encucações sobre o corpo. Isto, porque esses dias recebi um comentário de um homem aqui no blog em um post que falava sobre a moda de não usar sutiã mais ou menos assim: “Uiii….delícia ….vc tem namorado ou é casada? E o q seu companheiro acha? Apoia vc ou ñ, ou incentiva ?” Fiquei possessa com a falta de respeito e não fui nem um pouco delicada com a minha resposta.

Galeria de imagens

E o  sujeito ainda completa.” Ola, respeito mto minha mãe at pq tem modos e pudores em se vestir e nunca saiu de qq jeito na rua pra dar desculpas q está calor ou q aperta ou coisas do tipo, se vcs mulheres querem respeito comecem por vcs a darem o respeito então”

Juro que me indigna que em pleno 2018, o pensamento de grande parte das pessoas ainda seja assim. Sim,  vai demorar anos para que as pessoas entendam que cada um sai de casa como quer e sim independente de nossas escolhas temos que ser repeitadas. Ainda temos muito o que caminhar, trabalhar com sororidade, e nos unirmos para que cada dia menos coisas como essa parem de acontecer.

Cada um cuida do seu mamilo(e de todas as partes de seu corpo)….Respeito é bom e nunca devemos nos calar diante de coisas como essa. E vocês o que acham?

categorias: Comportamento Moda

Mulher que não tem peito não é feminina.

Esse dias ouvi essa : Mulher que não tem peito não é feminina. Tô com as pautas da discórdia, como diz minha amiga Tati Marques (do blog Por mais um carimbo)Mas, não aguento, quando o assunto é falta de peito, o negócio mexe comigo. Sim, porque como vocês sabem sou do time das despeitadas com muitooo orgulho. Nunca na vida pensei em colocar silicone. Nada contra um peito grande ou siliconado, acho lindo. Mas, não colocaria( que fique claro que hoje não colocaria, mas a gente não sabe o dia de amanhã e cada um sabe onde o calo aperta)…porque sério que me amo despeitada(aliás, já falei mil vezes disso aqui).

Eu nunca liguei muito para o fato de ser despeitava, a não ser quando alguém comentava ou imputava essa falta de atributos frontais a uma pseudo ausência de sensualidade ou feminilidade(o que na verdade nunca achei que fosse o meu caso, mas enfim).

Aliás, até hoje ouço umas piadas, do tipo: Os peitos daquele cara são maiores que o seu. Ou aquela criança de 10 anos tem os peitos maiores que o seu. E eu: fico com aquela cara de hã?!? E daí??Mas, esses dias quando ouvi que uma mulher que não tinha peitos, não tinha como ser sensual e feminina Pãnnnnnnnnnnnn um alerta enorme soou na minha cabeça. Será que essa pessoa está querendo me dizer que Claudia Raia não é sensual(sou tão auto confiante no quesito peito que não pensei que ela poderia estar falando de mim. Será?!!?)?

Mas, talvez estava falando para mim, sim e eu nem me dei conta.Aí fui tentar entender um pouco do que essas palavras sensualidade e feminilidade querem dizer.

Sem qualquer modéstia, acho que até aqui tô super dentro. Mas, acho também que depende de como cada um coloca esse óculos de sensualidade/feminidade. Esse quesito tem mais a ver com o que cada um enxerga no seu rol de interesses, ou seja é bem relativo.

Acho que o mais importante de tudo isso é parar de inventar verdades por aí, do tipo “Mulher que não tem peito não é feminina”. “Mulher que não tem peito não é sensual“(Isso porque não vou entrar em outras pautas que ligam as características encaradas como “defeitos”), porque vai que alguém acredita…

E você o que acha disso tudo?

categorias: Moda

Acheiiiii o melhor lugar para aproveitar a moda de botar o sutiã para jogo.

Depois da última vez que falei de lingerie aqui, parece que abriu um portal na minha vida. Não sei se comecei a prestar a atenção nisso ou se sou super influenciável e vi que a moda de deixar o sutiã à mostra andou dando uma bombada real. A vida é feita de contradições, não é mesmo?Se antes, a gente fazia de tudoooo para esconder o sutiã nos nossos look, a ideia agora é outra: Boraaaaa botar os sutiã para jogo. Depois de internalizado esse fato começou a minha obsessão(vocês sabem que quando eu cismo com uma coisa eu procuro real. Nível brasileira que não desiste nunca) em busca dos modelos perfeitos para tal empreitada. Como sou legal(e modesta) vou compartilhar esse achado com vocês.

Conjunto Fiorella (vem com calcinha) R$ 19,49

Como vocês devem saber eu amo uma modinha. Claro, que não é toda modinha que me pega. Mas, o interessante é que com o tempo aprendi a identificar o que eu deveria investir alto e o que eu podia comprar um de cada(leia-se bóra no baratex). Eis que nessa busca eu conheci a Casa da Lingerie(se quiserem dicas para revenda o blog da Casa da Lingerie tem várias, aqui ó), e quase fiquei maluca com a variedade de modelos de renda(que na minha opinião são os mais fofos para deixar à mostra) e preços muitoooo amigos(vale muito a pena dar um checada no site).

Top Lina R$ 7,99

Top Claudete Strappy R$ 12,99

Conjunto Claudia (vem com a calcinha) R$ 12,80

Como sou exagerada, quando gosto de um modelo quero um de cada cor e tô amando. Não tiro mais…Acabei escolhendo modelos parecidos que combinam mais com as minhas roupas(Amei o preto que é strappy, o tom dos rosas e o branco). Eu gosto de usar com camisetas mais soltinhas e decotadas para fazer esse jogo de esconde e mostra.

Conjunto Fiorela (vem com a calcinha) 19,99

fotos das peças: Rogério Puglia
Agora me contem….Vocês já botaram o sutiã para jogo? Se vocês curtes essa ideia, te digo que vale muitoooo a pena. Se eu fosse você corria agora no site da  Casa da Lingerie.